31 janeiro 2015

Opinião #1 | O Fim Da Inocência I e II, de Francisco Salgueiro



Sinopse:
Aos olhos do mundo, Inês é a menina perfeita. Frequenta um dos melhores colégios nos arredores de Lisboa e relaciona-se com filhos de embaixadores e presidentes de grandes empresas. Por detrás das aparências, a realidade é outra, e bem distinta. Inês e os seus amigos são consumidores regulares de drogas, participam em arriscados jogos sexuais e utilizam desregradamente a internet, transformando as suas vidas numa espiral marcada pelo descontrolo físico e emocional. 
Francisco Salgueiro dá voz à história real e chocante de uma adolescente portuguesa, contada na primeira pessoa. Um aviso para os pais estarem mais atentos ao que se passa nas suas casas.


Opinião:
Fiquei estupefacta com a quantidade de assuntos que aqui são abordados e que continuam a ser tabu na sociedade em que vivemos. 
A história da Inês é a prova de que estamos a utilizar aquilo que temos de forma errada e ao mesmo tempo abusiva. Se utilizarmos a informação a que hoje em dia temos acesso e tivermos discussões abertas sobre estes assuntos metade dos problema relatados nesta obra poderiam ser resolvidos. E jovens como a Inês, não teriam a necessidade de seguir os caminhos que lhe são dados, mas sim formar os seus próprios caminhos, com os seus morais e ideais próprios. Jovens como a Rita teriam a oportunidade de crescer na altura certa (independentemente de qual seja) sem medo de serem julgados pela família ou pelos amigos. 
Enfim, é difícil acreditar que num país como o nosso, supostamente "desenvolvido", existam histórias tão traumatizantes como esta (para quem as vivência, obviamente), mas a verdade é que vivemos dentro de uma realidade falsa e sob um pensamento repetido várias vezes no livro: "As coisas más nunca nos acontecerão! Esse tipo de coisas só acontece aos outros!".
Infelizmente, essa não é verdade.
Desejo sinceramente que o intuito da publicação desta obra, chamar a atenção aos pais (e penso que a todos, em geral) da verdadeira sociedade em que vivemos e dos verdadeiros perigos que corremos, seja alcançado, protegendo o mínimo que seja a geração futura. 


Nota: 4.5/5




Sinopse:
Com boas notas, e a estudar num dos melhores colégios de Lisboa, Gonçalo é o filho que todos os pais gostariam de ter. 
Desde cedo, ele e o grupo de amigos são bombardeados com imagens sexuais em filmes, séries, videoclips, anúncios e celebridades levando a uma erotização precoce. A ausência de educação sexual por parte dos pais e colégio leva-os a investigar o extenso mundo da pornografia na internet. 
Em simultâneo, a sua impreparação para lidarem com as redes sociais leva-os a serem participantes e vítimas na busca vertiginosa de likes para ultrapassarem a mítica marca dos 1000 amigos. Eles apenas pensam nos desafios e nunca nas consequências. As drogas legais, o sexting, a masturbação online com estranhos, serem paparazzi da vida uns dos outros e a prostituição com mulheres mais velhas fazem parte do seu estilo de vida, onde o futuro não existe, apenas o logo à noite. 
Depois do best-seller que abalou a sociedade portuguesa, Francisco Salgueiro regressa com uma nova história sobre os adolescentes portugueses do século 21.

Opinião:
Embora ambos os livros sejam um "abre-olhos" para todos, gostei mais do primeiro. Penso que por ter sido menos chocante e explicito que o primeiro. O final foi muito mais critico, é claro, mas penso que o Gonçalo podia ter tomado melhores decisões tendo em conta que o seu grupo de amigos, apesar dos seus vícios, eram uma boa influência e se preocupavam com ele. Talvez ache isto por o protagonista desta vez ser um rapaz e não me identificar tanto com ele, não sei...
Para além disso, penso que os personagens não reflectem grande parte dos jovens portugueses, mas sim os adolescente da alta sociedade portuguesa. Penso que isso teve grande influência na forma como me relacionei com os personagens e diminui a minha simpatia para com ele. Obviamente que continua a achar que é uma história traumática e que não devia ser uma realidade!
Outro dos assuntos que me chamou à atenção nesta obra, foi sem dúvida a alusão ao bullying. Acho que o fato de a irmã do protagonista, a Constança, passar uma grande fase de depressão devido ao bullying que sofria na escola, abriu ainda mais os olhos ao Gonçalo para o que existia fora das paredes de casa e do colégio que frequentavam e alertou-o para as diferenças de estar numa escola pública. 

Nota: 3.5/5

26 comentários:

  1. Ual! Lembrei do conto Doces Sonhos Dourados do Carlos Patrício em "Delirium". Parece mesmo um estoria onde vale a pena mergulhar. é importante que lidemos com tabus e nos aprofundemos em literaturas assim para que sejamos chamados a refletir e ao mesmo tempo curtir a viagem que a literatura nos traz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca tinha ouvido falar desse autor, mas vou pesquisar e ver se está disponível em Portugal!
      Obrigada pelo comentário*

      Eliminar
  2. Livros com temas mais pesados costumam me interessar justamente porque nos fazem ver certos assuntos com um outro olhar e, muitas vezes, também nos fazem perceber que muitos problemas poderiam ser resolvidos se agíssemos de maneira diferente e houvessem mais conversas abertas entre as pessoas. Esta história parece ser uma dessas que nos faz abrir os olhos :)

    http://bookspoison.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo Ursulla! Especialmente estas que são baseadas em histórias reais.*

      Eliminar
  3. Daniela, você é de Portugal?

    Nossa, pela sua resenha, parece que esse livro é um soco no estomago, bem como eu gosto. Gosto de livros que nos tire do lugar, que cause desconforto. E esses temas do sexo, das drogas é ainda um tabu, mesmo com toda liberdade sexual que existe hoje.
    O fato e que os jovens precisam de orientação, porque se eles vão sempre se expor a todo tipo de perigo.
    Ah, não conhecia nem o livro, nem o autor.

    Beijos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou sim :) O autor também é português. Isso foi ainda mais chocante para mim, porque se trata da história real de uma adolescente portuguesa!
      Beijinhos*

      Eliminar
  4. Oi Daniela! Tudo ótimo?

    Não conhecia essa obra e fiquei realmente interessado pelo tom mais pesado do enredo. Ainda mais, como você bem citou, para nos fazer abrir os olhos. Não sou pai ainda, mas pretendo e saber um pouco como é a mecânica desses tipos de exposição ajuda muito a nos precavermos e alertar aqueles que podem ser vítimas disso tudo. Os jovens, atualmente, tem tido contato com conteúdos pornográficos sem nenhum freio e talvez acabem por desconsiderar o perigo dessa exposição. Será que essa obra é publicada no Brasil? Vou pesquisar e, quem sabe, ler os dois em breve. Aí também terei a conclusão se gosto mais da primeira pelo personagem masculino.
    Só uma duvida: em suas opiniões sobre o segundo livro, você quis dizer que gostou mais do primeiro por ser mais chocante que o segundo, certo?

    Finalizando, belo trabalho no blog. Continue assim!
    Beijo!

    http://entretenilendo.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que estes dois livros estejam editados apenas em Portugal, mas também não seria difícil de entender :)
      Exato, achei o primeiro muito mais chocante e assustador que o segundo. Mas é a tal situação: é a minha opinião como leitora feminina e a protagonista do volume I ser também rapariga!
      Muito obrigada*

      Eliminar
  5. Oie, Daniela!
    Esses livros são perfeitos retratos da realidade atual. Eu conheço pessoas exatamente assim: uma é perfeita na aparência, mas já tirou fotos sem roupa apenas para conseguir muitos seguidores no Instagram. Todos chamam de linda nos comentários, mas na realidade a descrevem com os xingamentos mais pejorativos possíveis. Sobre o Gonçalo, como eles conheço vários! Até criança de 12 anos conhecida já está nesse caminho. Os pais? Viajando país afora, deixando sozinhas suas crianças com empregadas que recebem uma bolada de dinheiro pra cair fora e deixar o apartamento... É triste demais.
    Com carinho,
    Celly.

    http://melivrandoblog.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade! Pior ainda é saber que não é apenas ficção mas sim a realidade em que vivemos!
      Obrigada pelo comentário*

      Eliminar
  6. Oii, tudo bem?
    Nossa, esse livro é um tapa na cara da sociedade. Espero ter oportunidade de lê-lo...
    Infelizmente conheço algumas pessoas que agem como os personagens e é muito triste...
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo, obrigada! :) Leia e vai ver ver que não se vai arrepender.
      Beijinho*

      Eliminar
  7. Olá Daniela!

    Fiquei super curioso para adquirir um exemplar dessa história. Não li muitos livros que tratam o gênero com muita seriedade e a impressão que tive da resenha é que o livro realmente vale o tempo! Acho muito bom essa interação e liberdade que estamos vivendo com relação às obras com esse gênero literário, que injustamente sofre certo preconceito. O bullying que ainda é muito presente em nossa sociedade, e por ser algo presente na história me chamou a atenção, já que é um tema atual e completamente vivenciado pelos jovens.

    Abreijos literários!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São realmente livros poderosos e que valem a pena! Para além disso, pelo que percebi, a história foi contada ao autor pelas personagens mesmo e ele apenas deu o seu jeito de "escritor" o que torna tudo mais real. Se realmente se interessa por esse tema do bullying penso que o volume II se adapta melhor a si, mas recomendo ambos :)
      Beijinhos*

      Eliminar
  8. Oiee, Dani! Tudo bem?
    Eu já ouvi falar desse autor em algum lugar, não lembro onde foi (rs), mas fiquei extremamente interessado em apreciar sua escrita, as capas são bem bonitas e me lembraram um pouco do "The 100". Na primeira obra citada, fiquei também encantado ao saber que o autor trouxe um pouquinho da realidade, gosto de livros desse tipo, a história da portuguesa parece ser bem chocante, que vai emocionar bastante o leitor e ele tem um intuito em chamar atenção dos pais, não é mesmo?! Já me interessei por ambos, por conta do lado crítico e irei ver se acho ele com um preço razoável! Adorei sua opinião :)
    Beijos,
    Um Grande Vício Literário

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo, obrigada! É provável, na altura de lançamento destes livros ele estava por todo o lado devido à controvérsia causada pelas obras! Já tinha visto a capa de The 100 e por acaso nem me tinha lembrado, mas tem toda a razão! :)
      A primeira obra é realmente muito chocante e é mesmo uma história verídica, não é adaptada nem nada!
      Muito obrigada*

      Eliminar
  9. não faz o tipo de livro que eu leria, mas com certeza vou indicar a minha mãe.
    e isso é verdade, muita gente bonitinha na aparência, mas na realidade....
    Também conheci uma menina parecida. Era uma santa na frente dos pais, mas quando eles saiam, fazia a festa.
    Deplorável essa realidade.
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa :) É uma boa leitura também para os pais, para se alertarem! Tal e qual como uma destas obras... A protagonista mal tinha os pais em casa e eles nem notavam o que se ia passando com ela!
      Beijinhos*

      Eliminar
  10. Às vezes é bom sair da zona de conforto, mas com certeza essa leitura não é pra mim. Sei lá, eu até gosto de quando a nossa realidade é posta a prova em livros mais explícitos contando verdades que escolhemos não enxergar, mas esse universo adolescente meio que não me chama a atenção. Gostei muito da capa e pensei que talvez se tratasse de algo diferente... Gostei muito da sua resenha :)

    www.dezenoveprimaveras.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também adorei a capa! E realmente antes de ler a sinopse pensei que fosse uma leitura do tipo chick-lit.
      Muito obrigada*

      Eliminar
  11. Gostava de ler.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  12. Adorei a sua opinião sobre os livros e fiquei afim de ler.
    Goste de ler de tudo um pouco e nada como uma boa
    dose de realidade para abrir nossos olhos.

    Seguindo aqui... Beijinhos.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/2015/02/resenha-origem-da-rosa-beleza-de-um.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Recomendo mesmo! Vai ver que não se arrepende :)
      Muito obrigada, beijinhos*

      Eliminar
  13. Já ando para ler estes livros há muito tempo. Mais um incentivo depois de ler as tuas opiniões.
    Bjs
    😉

    ResponderEliminar